Administração e Sucesso

Assuntos sobre administração, economia, política, atualidades, educação, dicas para Word, Excel e muito mais

Tag: Motivação

Alta remuneração e motivação: a busca do equilíbrio em uma empresa

A motivação no ambiente de trabalho, que por vários fatores pode se mostrar desgastante, precisa ser uma constante, e muitas empresas acreditam que apenas a alta remuneração é suficiente para manter os funcionários sempre motivados. Porém, quem conhece gestão de pessoas a fundo sabe: somente isso não pode ser suficiente a longo e médio prazo.

remuneração e motivação

Mesmo que com a recompensa financeira haja melhoria comportamental e profissional, esta mudança pode ser passageira devido ao fato de que o estímulo precisa ser repetido para que a motivação seja mantida, ou seja, será necessário mais dinheiro. Para não cair nesse “loop” errôneo, as empresas precisam oferecer oportunidades de crescimento que permitam a conciliação entre vida pessoal e profissional dos funcionários, além de fatores que vão além do aumento salarial.

Em muitos departamentos de RH, a questão da remuneração é apenas um elemento. O que os empregados buscam é um lugar em que eles sintam que há uma razão para que eles trabalhem ali e entendam sua real importância na complexa engrenagem dos negócios. Seria muito mais fácil para a área de recursos humanos se a imagem de bom lugar de trabalho fosse aquele que oferecesse rios de dinheiro. Nesse caso, era só desenhar um pacote de remuneração mais atraente. Porém, a questão vai além disso.

Como motivar uma equipe?

Para atingir um elevado grau de satisfação do time, é preciso ir além das ferramentas básicas e dos velhos conceitos de motivação. Motivar colaboradores é uma atividade diária que requer habilidades de um profissional capacitado em gerir equipes. O colaborador deve ser tratado de maneira individual, pois cada um tem talentos, anseios e expectativas perante a carreira e a vida pessoal. É importante que eles saibam dos resultados de suas ações, sendo positivas ou não. O feedback é essencial para desenvolver a equipe. E, quando possível, faça elogios publicamente, pois isso estimula os profissionais a buscarem sempre bons resultados. Além disso, cada colaborador deve sentir-se parte importante para a empresa em que trabalha. Envolva-os nos projetos, defina o que e como cada um pode contribuir. Tudo isso são elementos que podem ajudar, e muito, em uma motivação de qualidade.

Escrito por: Jacqueline Gonçales

Teoria dos Dois Fatores de Hersberg

      A Teoria dos Dois Fatores de Hersberg diz que a motivação depende de dois fatores: os higiênicos e os motivacionais.

      Os fatores higiênicos ou insatisfacientes se referem as condições em que as pessoas trabalham, entre elas as condições físicas e ambientais de trabalho, o salário, os benefícios sociais, as políticas da empresa, o tipo de supervisão recebido.

     Hersberg supõe que as más condições físicas e ambientais de trabalho causam insatisfação, um ambiente mal iluminado ou muito quente, ou um espaço inadequado, ainda o salário precisa satisfazer as necessidades do trabalhador, muitas vezes o salário não é suficiente, mas os benefícios sociais que a empresa oferece suprem essa deficiência. A política da empresa também pode deixar os funcionários insatisfeitos, assim como o tipo de supervisão recebido, o supervisor precisa conhecer bem as características de cada funcionário.

      Os fatores motivacionais ou satisfacientes referen-se ao conteúdo do cargo, às tarefas e aos deveres relacionados ao conteúdo do cargo em si. Produzem efeito duradouro de satisfação e de aumento de produtividade em níveis acima dos normais. A motivação acontece quando o trabalhador está satisfeito com aquilo que está fazendo.

Motivação no Trabalho

Trabalhar é preciso, mesmo quem tem bastante dinheiro precisa de alguma forma fazer alguma atividade, mas geralmente as pessoas trabalham é porque realmente necessitam. As empresas contratam pessoas porque precisam de funcionários para trabalhar em seus negócios.

Existem empresas que não valorizam seus colaboradoes, acreditam que não são importantes para a organização, mas uma grande empresa não consegue produzir sem a colaboração de seus funcionários, de nada adianta ter milhões investidos em uma empresa e não ter pessoas para fazer o negócio gerar lucros.

As empresas com melhores resultados no mercado econômico são aquelas que investem em qualidade de trabalho para seus colaboradores, existem vários benefícios que podem ser oferecidos pela empresa, entre eles área de lazer para as horas de folga, com TV, locais para jogos, local para refeições, creche para as crianças, bolsas de estudo para aqueles que querem fazer uma faculdade, etc.

Por outro lado existem muitas empresas que não se preocupam com a qualidade de vida de seus colaboradoes, só querem saber de lucro, mas analisando as pesquisas que apontam as melhores empresas para se trabalhar, podemos ver que essas empresas que valorizam seus colaboradores conseguem atingir lucros expressivos.

Para exigir produtividade do colaborador é preciso dar condições para que ele possa desenvolver suas atividades, muitas vezes os benefícios não-monetários fazem o trabalhador ficar mais motivado, mesmo não tendo um salário muito elevado. No entanto quando o colaborador recebe um salário muito baixo e não tem nenhum benefício, não tem um local adequado para trabalhar, não tem segurança no trabalho, não recebe equipamentos adequados, não é tratado com respeito e valorizado, dificilmente ficará motivado a produzir aquilo que poderia se as coisas fossem diferente.

 

Administração e Sucesso