Administração e Sucesso

Assuntos sobre administração, economia, política, atualidades, educação, dicas para Word, Excel e muito mais

Tag: economize

Quanto você economiza por mês?

Quanto você economiza por mês

Economia mensal

Qual é a sua economia mensal? Quanto você guarda por mês pensando em uma aposentadoria tranquila, ou simplesmente para comprar algo que custa caro, como a casa própria ou um veículo, ou até mesmo para bancar uma faculdade?

Para quem recebe um salário mínimo mensal esta tarefa é um pouco complicada, haja visto que conseguir passar um mês com o valor de um salário mínimo já é um ato heroico. Dizem que tem gente que consegue tal proeza e segundo nosso Governo o salário mínimo está de bom tamanho. Porém, acho pouco provável que isso aconteça de fato.

Mas vamos supor que você tem uma renda razoável, existem pessoas que mesmo ganhando muito dinheiro nunca se preocupam com o futuro e em determinado momento da vida a fonte seca e a pessoa fica na pior, sem dinheiro e sem renda. Como nunca se preocupou em guardar dinheiro ou investir em alguma coisa.

Mas vamos falar de pessoas inteligentes, que pensam no futuro, planejam suas vidas. O começo é bem difícil, muitas vezes acreditamos que ganhamos pouco e fazer economia não resolve nada. O correto é primeiramente colocar no papel tudo aquilo que temos de despesa durante o mês, assim vamos ver o que realmente temos que pagar mensalmente e o que são gastos que podem ser eliminados. Isso mesmo, eliminados. Não acredite que você irá fazer economia sem abrir mão de alguma coisa. Diminuir o número de vezes que vai a lanchonete, a pizzaria, a festas de fim de semana, etc.

Pode ser que seu salário lhe permita economizar apenas 10% do que você ganha mensalmente, esta quantia é pequena e não irá lhe garantir uma aposentadoria e se a ideia for comprar algo pode ser que demore muito tempo. Mas se você ganha razoavelmente bem o ideal é guardar 20%, 30% mensalmente. Isso se você quer garantir um aposentadoria gorda, ou até mesmo investir em algum negócio após se aposentar. Se a intenção é apenas economizar pode ser que o tempo necessário para atingir o objetivo seja pequeno, 5 ou 10 anos pode ser suficiente. Mas como ficar com o dinheiro e resistir a tentação de não gastá-lo? A resposta é simples, você deve deixá-lo em uma conta separada, em uma poupança ou investimento e simplesmente esquecer que ele existe. É claro que em uma emergência você não vai correr riscos tendo dinheiro guardado, mas este deve ser o último recurso mesmo.

E quanto eu posso economizar durante o período? Isso vai depender da renda que você possui. Vamos a um exemplo:

Uma pessoa recebe mensalmente R$ 4.000,00 líquidos, em seus cálculos é possível economizar por mês 20%, ou seja R$ 800,00, em um ano serão R$ 9.600,00, isso contando apenas os salários normais, excluindo 13º salário e férias e possíveis restituições de imposto de renda. Em cinco anos serão economizados R$ 48.000,00 e em dez anos serão R$ 96.000,00 de economia sem contar o rendimento da poupança ou outro investimento onde o dinheiro foi aplicado.

Fiz uma planilha no Excel e cheguei ao valor de aproximadamente R$ 140.000,00 economizados em dez anos. É claro que o rendimento pode ser maior se o local onde o dinheiro foi investido tiver rendimento maior que o da poupança, além disso, o cálculo segue um padrão de depósitos mensais de R$ 800,00 durante todo o período, isso pode cair em consequência de depósitos menores e pode subir caso a renda da pessoa aumente no período.

Como não sou matemático, pode ter algum erro na fórmula, mas acredito que está correto. Como exemplo, uma pessoa tinha R$ 50,00 na poupança, passaram nove anos ela foi verificar o saldo e tinha na conta R$ 95,00, o valor quase dobrou sem ela fazer nenhum depósito.

Clique no link a seguir: Cálculo de rendimento

Cálculo de rendimento

Antecipe o pagamento do financiamento e economize dinheiro

Quer antecipar o pagamento do financiamento e economizar dinheiro, isso é possível.

Antecipe o pagamento - ganhe dinheiro

Juros descontos

Antecipe o pagamento do financiamento e ganhe dinheiro. Hoje em dia é comum encontrar uma pessoa com algum empréstimo vigente, seja em dinheiro vivo pego no banco, financiamento de veículo ou casa própria. Muita gente não vê a hora de terminar de pagar logo para se livrar da dívida e principalmente da parcela que pesa no orçamento mensal. Geralmente empréstimos e financiamentos são realizados justamente porque a pessoa quer comprar algo e não dispõem do dinheiro suficiente no momento, mas com o passar do tempo pode começar a sobrar dinheiro e uma excelente opção é começar a pagar mais de uma parcela de cada vez para diminuir o prazo do empréstimo.




Esta é uma boa saída para aqueles que pretendem quitar a dívida o mais rápido possível, para aqueles que não têm pressa o dinheiro pode ser utilizado em outra coisa.

Se você pretende pagar a dívida o mais rápido possível, além da redução do tempo ainda existe a possibilidade de reduzir a quantia de juros pagos ao banco no período. Isto porque quanto maior o prazo, maiores serão os juros. Se você paga hoje uma parcela que só venceria daqui a alguns anos, consequentemente os juros serão menores. Mas como fazer isso? Primeiramente você precisa estar com as prestações em dia e ter uma quantia razoável em mãos para negociar a antecipação com o banco. Se você tiver pouco dinheiro pode optar por pagar uma parcela a mais por mês, neste caso paga a parcela normal e a última de trás para frente. Detalhe, é preciso ir ao banco para obter o desconto pela quitação antecipada. Se você tem uma quantia maior pode quitar várias parcelas de uma única vez, neste caso segue o conselho anterior, pague as parcelas de trás para frente, vá ao banco e negocie a antecipação do pagamento.

Exemplo: um empréstimo de 72 prestações no valor de R$ 717,38, após quitar 20 prestações o indivíduo conseguiu economizar uma quantia considerável, foi ao banco e negociou a antecipação de algumas parcelas. No momento da antecipação o indivíduo tinha em mãos R$ 6.600,00, com este valor conseguiu pagar 23 parcelas de trás para frente. Além de reduzir o tempo do empréstimo de 72 para 49 meses ainda conseguiu uma economia de R$ 9.899,00, pois se as parcelas fossem pagas nas datas normais o custo seria de R$ 16.499.74.

Este é um caso de empréstimo pelo Sistema Price ou Sistema de Amortização Francês onde as prestações são sempre iguais, porém a amortização e os juros são diferentes em cada mês. No caso acima o desconto obtido foi relativamente alto devido as prestações pagas estarem com data de vencimento bem distantes. Em uma nova antecipação o desconto será bem menor, mesmo assim ainda é vantajoso antecipar o pagamento de prestações se houver disponibilidade de dinheiro.




O banco leva em consideração vários itens na hora do pagamento da antecipação, entre eles a taxa de juros atual, a taxa Selic. Existe um cálculo onde é possível ter uma ideia de quanto você conseguirá de desconto em uma provável antecipação. Veja abaixo neste link um exemplo de cálculo de desconto.

https://educandoseubolso.blog.br/2015/05/27/amortizar-o-financiamento-imobiliario/

Gostou do Blog? Então curta nossa página do Facebook

 







 

Administração e Sucesso