Muitas pessoas sonham em ter o próprio negócio e se planejam para que isso ocorra. Ao contrário do que muita gente pensa, todo o processo pode ocorrer facilmente, basta o futuro empreendedor elaborar um projeto eficiente e ter conhecimento de todas as burocracias exigidas. Estude sobre as etapas para registrar a empresa (conforme o gráfico), com as informações corretas e organização tudo flui. Veja aqui algumas dicas de empreendedorismo e abra seu negócio com segurança.

como abrir uma empresa

Escolha um produto que se destaque no mercado

Para dar início ao planejamento deve ser pensado com quais produtos você quer trabalhar e identificar o público alvo. Escolha uma ideia, identifique os futuros clientes e suas necessidades, apresente soluções reais para essa carência e saiba quais são os serviços e preços dos empreendimentos concorrentes. É assim que o negócio se destaca no mercado e se transforma em um diferencial.

Tenha o valor inicial em mãos

Para abrir uma empresa é necessário mais que uma boa ideia, é preciso dinheiro para tal investimento. E não depender de empréstimo de banco te livra de uma dívida a mais que pode ser prejudicial, pois o lucro inicialmente pode não ser suficiente para compensar as dívidas, e isso gera mais e mais juros.

Por isso é importante calcular o capital inicial levando em consideração todos os recursos indispensáveis para manter uma empresa em funcionamento, desde a compra de mercadorias à gastos com itens de escritório, por exemplo. Outra dica para evitar dores de cabeça é manter um capital de giro para as despesas, pelo menos nos primeiros meses.

Saiba quais serão os gastos

Leve em consideração todas as despesas de uma empresa, inclusive a carga tributária, custo esse que muitos empreendedores iniciantes não ficam atentos. Outros gastos que devem constar na planilha é o pagamento de 13° e o FGTS, caso o futuro empresário tenha que contratar funcionários. Água, luz e outros valores internos devem ser calculados também. E por segurança mantenha uma reserva de contingência para não ser pego desprevenido.

Não misture gastos pessoais com profissionais

A ideia é simples, mas a maioria dos empresários caem nesse erro e complicam os negócios por terem dificuldades de separar uma coisa da outra. Não retire dinheiro do caixa para pagar gastos pessoais, nem compre produtos para a empresa com o cartão de crédito pessoal, esses erros são frequentes. Para não dificultar as coisas defina um pró-labore para os sócios que trabalhem na empresa e para si mesmo de acordo com a lucratividade da empresa.

Esteja preparado para ser um líder

Faça a seguinte pergunta: estou preparado para ser um empreendedor? Se a resposta for sim, tenha em mente que precisa ser um líder, além de empreendedor. Estude e conheça todos os aspectos do novo negócio e tenha convicção que o responsável por todas as tomadas de decisões é você. Se capacite e tenha conhecimento em áreas diversas que podem agregar, como marketing e administração.

Escrito por: Jacqueline Gonçalo

 

Sharing is caring!

(Visited 37 times, 1 visits today)

Related Post

Sua empresa está fazendo um bom atendimento? Atender bem é um requisito fundamental para qualquer empresário que entende que a base de um negócio reside justamente nas pessoas envolvidas, e que t...
Quer bem feito, faça você mesmo: isso não pode ser... Delegar funções Muitas vezes ouvimos as pessoas reclamando de algo que pediram para outras pessoas fazerem e se arrependeram depois de verem os resu...
Quero abrir um restaurante, e agora? Veja como se ... Dados da Associação das Empresas de Refeição e Alimentação Convênio para o Trabalho (Assert) e da consultoria Geofusion mostram que a média do gasto m...