Como lidar com a falta de tempo em nossa vida?

A falta de tempo é uma reclamação que ouvimos com frequência em nosso dia a dia. Não tenho tempo para ler, não tenho tempo para descansar, não tenho tempo para me envolver com projetos sociais, não posso viajar, não tenho tempo para dormir, etc.

A falta de tempo em nossa vida

A verdade é que todos nós independente de sermos classe média, classe alta ou até mesmo um chefe de estado, todos dispõem do mesmo tempo durante o dia, ou seja, vinte e quatro horas. O que muda é a maneira como cada um utiliza o seu tempo.

Vamos pegar o meu exemplo. Eu trabalho oito horas diariamente de segunda a sexta-feira tendo o horário dividido de maneira que alguns dias tenho folga no período da manhã e depois trabalho das 18 as 22h. Outro dia essa folga é no período da tarde. De qualquer forma entre sete da manhã e dez horas da noite eu terei que cumprir oito horas de trabalho. Além desse horário que estou no trabalho mantenho outras atividades, possuo um cargo na igreja que demanda de mim no mínimo quatro horas semanais, sou responsável por organizar reuniões mensais com meus colegas de trabalho, sou representante do sindicato no município e, além disso, ainda tenho tempo para ler livros, escrever e publicar livros. Também mantenho um blog com atualizações semanais. Tudo isso sem deixar de cumprir minhas tarefas como pai e esposo no dia-a-dia.

Muitas vezes as pessoas dizem que não tem tempo, mas isso não é verdade. Não tem tempo para ler um livro, mas passam horas na frente da TV. Não tem tempo para realizar o trabalho que lhe foi atribuído dentro do prazo, mas passa horas acessando redes sociais e olhando fofoca e notícias na internet.

Tudo é uma questão de foco e estabelecer metas. Se estou escrevendo um livro de 300 páginas e pretendo concluí-lo em 10 meses isso significa que tenho que obrigatoriamente escrever 30 páginas por mês, caso fique um mês sem escrever no mês seguinte terei que escrever 60 páginas. Dificilmente conseguirei cumprir o prazo fixado. Preciso estabelecer uma meta diária e semanal para não procrastinar o meu trabalho.

Quando estamos fazendo uma tarefa que exige concentração, como no caso de escrever um livro, o ideal é que não sejamos interrompidos, mas sabemos que isso é muito difícil de não acontecer. Porém, muitas vezes as interrupções são ocasionadas por nós mesmos. Se estou fazendo uma tarefa que não exige o acesso a internet, então é melhor nem abrirmos nosso navegador, pois ficaremos tentados a dar uma espiadinha nas notícias, verificar nossa caixa de e-mail a cada nova mensagem que chega e olhar as atualizações nas redes sociais. O ideal é que façamos isso apenas uma ou duas vezes ao dia em horário determinado.

Como já disse anteriormente todos nós temos o mesmo tempo disponível, a diferença está apenas na maneira como o utilizamos. O tempo perdido não pode ser recuperado, portanto, utilize-o da melhor maneira possível, ou jogará fora grande parte de sua vida.

Recomendo a leitura do livro: Faça o tempo trabalhar para você