Copa do Mundo no Brasil

Brasil perde a Copa em casa mais uma vez

Desde o início da Copa a seleção brasileira não apresentou bom futebol, por isso a minha desconfiança quanto a conquista do título pela seleção brasileira. Quase a seleção foi eliminada pelo Chile e depois também sofreu para derrotar a seleção da Colômbia. Chegamos a semifinal sem enfrentar uma grande seleção. Mas desta vez pela nossa frente tínhamos a seleção da Alemanha.

Os brasileiros estavam confiantes na vitória, mas em um jogo destes não existe favorito, qualquer um pode vencer. Muito se falou que Neymar faria falta para a seleção, concordo que sim, mas não a ponto de abalar o time da maneira que aconteceu. Afinal, se o Neymar fez tanta falta assim, então quer dizer que todos tinham razão, a seleção era dependente do Neymar?

Prefiro acreditar que não. Uma seleção brasileira não pode depender apenas de um jogador com tantos craques que temos no país. Prefiro acreditar que faltou experiência e principalmente qualidade para alguns jogadores, não por deficiência técnica, mas sim por má fase de alguns dos jogadores. Também faltou controle emocional, disseram que o fator emocional não estava atrapalhando, mas não foi isto que vimos no jogo. Depois do primeiro gol o time se perdeu em campo. Levar cinco gols em menos de trinta minutos de jogo, sendo quatro gols em sequência, isso não tem desculpa.

Entre as seleções campeãs mundiais a França jogou duas copas em casa ganhou uma, a Alemanha também, a Itália também. A Argentina, a Inglaterra e o Uruguai jogaram apenas uma Copa em casa e venceram. O Brasil passou a ser a única seleção que jogou duas Copas em casa e perdeu as duas. Derrota no Maracanã lotado em 1950 na final e vexame nesta Copa de 2014 perdendo de goleada para a Alemanha na semifinal por incríveis 7 X 1, a maior goleada da história, justamente em uma Copa disputada no Brasil. A Espanha fica de fora porque sediou apenas uma Copa em 1982 quando ainda nem era Campeã.

Uma coisa é certa, não coloquem um técnico campeão da Copa pela seleção brasileira para tentar outro título, Zagallo ganhou em 1970 e perdeu em 1998, Parreira ganhou em 1994 e perdeu em 2006, Felipão ganhou em 2002 e tentou neste ano, definitivamente isto não dá certo.

Em 2002 Felipão foi contra o clamor popular e não levou Romário, mas Ronaldo fenômeno e Rivaldo foram excelentes e o Brasil ganhou. A mesma sorte não teve Dunga em 2010, não levou Neymar e P. H. Ganso em ótima fase no Santos, o resultado todos sabem.

Felipão também foi muito criticado pela lista de convocados, levou jogadores que não estavam em boa fase ou em recuperação de lesão. Os torcedores estavam com razão, em seis jogos Fred fez apenas um gol, Hulk não marcou nenhum. Onde já se viu atacante que não faz gol? Não vou falar de qual jogador deveria ser convocado, mas tínhamos jogadores em boa fase que não foram convocados por preferência do treinador.

Agora resta esperar a próxima Copa na Rússia em 2018.

Sharing is caring!

(Visited 112 times, 1 visits today)