Imposto de Renda

No último dia 1º de maio a presidente Dilma anunciou o reajuste da tabela de Imposto de Renda em 4,5%, mais uma vez um reajuste abaixo da inflação como tem ocorrido nos últimos anos.

A desculpa esfarrapada do Governo é de que 4,5% é a estimativa de inflação para o ano de 2014. Pois bem, a inflação em 2013 foi de 5,91% e em 2014 também deve ficar acima do que está previsto. Assim o reajuste abaixo da inflação faz com que cada vez mais pessoas paguem imposto de renda. Atualmente quem ganha até R$ 1.787,77 mensais paga imposto de renda, com o reajuste pessoas que recebem até R$ 1.868,22 ficam isentos do Imposto de Renda.

Se a correção fosse de acordo com a inflação todos os anos, este valor seria muito maior e assim muitas pessoas que hoje pagam imposto de renda estariam isentas.

O Governo diz que mesmo com este reajuste abaixo da inflação os cofres públicos terão um custo 5,3 bilhões, certamente é mais uma história para boi dormir.

A cada ano vemos a arrecadação de impostos aumentarem no país. Enquanto isto o Governo concede aumento acima da inflação para o Bolsa Família (vulgo bolsa miséria), o Governo também diz que isto custará aos cofres públicos 1,7 bilhão em 2014 e 2,7 bilhões em 2015. Certamente uma maneira de garantir o seu eleitorado para a eleição deste ano. Ou alguém acredita que alguém que recebe bolsa família deixará de voltar em Dilma?

Leia: http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,aumento-de-10-do-bolsa-familia-e-passo-populista-diz-financial-times,1161028,0.htm

http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,reajuste-do-bolsa-familia-custara-ao-governo-r-1-7-bilhao-este-ano,1161516,0.htm

Sharing is caring!

(Visited 35 times, 1 visits today)