Ilusão do reajuste anual do salário mínimo

Salário Mínimo

Desde a implantação do Plano Real no Ano de 1994 o salário mínimo tem tido um reajuste anual para repor as perdas da inflação e aumentar o poder de compra dos trabalhadores. Já houve ocasiões em que o salário mínimo teve reajuste de 20% como ocorreu no ano de 2003 onde o salário mínimo era de R$ 200,00 e passou para R$ 240,00. Reajuste de mais de 16% no ano de 2006 quando o salário mínimo do ano anterior era de R$ 300,00 e passou para R$ 350,00. Um aumento de mais de 14% em 2012 quando o salário mínimo era de R$ 545,00 e passou para R$ 622,00.

No entanto, esses aumentos bem acima da inflação são coisa do passado. Nos anos de 2013 e de 2014 o salário mínimo aumentou pouca coisa acima da inflação, ou seja, o aumento apenas manteve o poder de compra que o trabalhador já tinha. Em 2013 o salário mínimo foi reajustado em 9% aproximadamente, sendo que a inflação de 2012 ficou perto de 6%. Em 2014 o reajuste foi de menos de 7% sendo que no ano anterior a inflação ficou perto de 6%.

Já existe uma previsão de aumento para o ano de 2015, no entanto, o aumento previsto está em menos de 8%. Mais uma vez um pouco acima da inflação. A previsão é de que o salário mínimo em 2015 seja em torno de R$ 779,00.

Como se observa pelos números, o reajuste do salário mínimo nos últimos anos tem sido basicamente para repor as perdas da inflação e o poder de compra não aumentou praticamente nada.