Em 2003 foi lançado no Brasil o primeiro carro com motor bicombustível, uma notícia muito boa para aqueles que pretendiam ter um carro que utilizasse combustível mais barato, sem correr o risco do desabastecimento de álcool no mercado como aconteceu nos anos 80 com o Pró-álcool, quando os usineiros preferiram produzir açúcar em vez de álcool, pois era mais vantajoso. Com isso as pessoas que possuiam carro a álcool não conseguiam abastecer seus veículos. Para o meio ambiente o biocombustível também é melhor, porque polui menos, mas para os brasileiros em geral, a tecnologia bicombustivel não está sendo tão vantajosa assim. Em primeiro lugar, os motores dos veículos em geral andam 30% a menos utilizando álcool, ou seja, por exemplo, se usa a gasolina o rendimento é de 10 KM por litro, se usa álcool anda apenas 7 KM por litro. Portanto para ser vatajoso o álcool deve possuir preço de no máximo 70% do preço do litro da gasolina, coisa qua não está acontecendo atualmente. Em todo o Brasil, atualmente apenas no Estado de Mato Grosso está sendo vantajoso abastecer o carro com álcool. Então onde está o problema? A questão é que atualmente quase todos os carros saem de fábrica com motores bicombustíveis, sendo o álcool mais barato as pessoas preferem abastecer com esse combustível. A grande procura pelo álcool diminui a oferta do produto no mercado, o que causa o aumento do preço do produto. Ainda para o consumidor existe o aumento do preço do açúcar, e todos os produtos que são produzidos com esse ingrediente. Aliada a queda de produção de açúcar em outros países o preço do açúcar aumentou mais de 100%. Resumindo, não existe vatagem para o consumidor final, abastecer com álcool quase não compensa. Para compensar os engenheiros teriam que inverter essa situação, fazer motores que tivessem a mesma eficiência com os dois combustíveis, mas se o álcool fosse mais vantajoso, ninguém mais iria querer abastecer com gasolina, gerando falta do produto no mercado, elevação dos preços, e descontentamento dos produtores de gasolina gerando uma crise econômica. Portanto isso só pode ser resolvido no dia em que acabarem as reservas de petróleo no mundo, e os biocombustíveis sejam a única solução para abastecer os veículos. 

Sharing is caring!

(Visited 55 times, 1 visits today)